Entrevistas -> Personalidades do Mundo dos Cavaleiros do Zodíaco-> Nobuo Yamada

Informações

Introdução

Nesta seção você encontrará entrevistas exclusivas com várias personalidades, sejam elas cantores ou pessoas envolvidas na produção e/ou licenciamento da série.

Clique Aqui para voltar para a tela de seleção das personalidades

Nobuo Yamada

Nobuo Yamada

Nascido em 20 de Janeiro (aquariano) em Osaka. Em 1983 participou como vocal no álbum solo "Destruction - Hakai Gaisenroku", de Munetaka Higuchi da LOUDNESS, e no álbum da dupla de hard rock M't FUJI. Em 1984 estreou como vocalista da banda de hard rock MAKE-UP e ficou encarregado da letra, melodia e interpretação da música tema e do álbum de cancões de "Os Cavaleiros do Zodíaco". Depois do fim da banda MAKE-UP, destacou-se na cena musical cantando em solo ou em bandas. Em 2005 participou da série Super Sentai da Toei com uma música da trilha de "Maho Sentai Magiranger" (2006) e a música-tema de "Tenso Sentai Gaseiger" (2010). Estendeu sua carreira para o exterior a partir de 2007, depois de participar de festivais de anime no Brasil, Paris e Barcelona.

Entrevista CCXP 2016 e livreto de 30 anos da série

Durante o evento CCXP 2016 (Comic Con Experience), realizado em São Paulo entre os dias 1 e 4 de Dezembro de 2016, no estande da Toei Animation existia uma painel com uma entrevista com a character designer Michi Himeno. Abaixo trazemos a transcrição desta entrevista (ela é a mesma presente no livreto/artbook comemorativo pelos 30 anos da franquia e que estava a venda no evento japonês Complete Works of Saint Seiya em Junho de 2016):

A entrevista originalmente publicada no dia 18 de Junho de 2016

Pergunta 1: Primeiro conte-nos como foi que se envolveu com o anime "Os Cavaleiros do Zodíaco" quando estava na banda MAKE-UP.

R: Fui pego de surpresa quando me procuraram. Era raro uma banda de rock cantar anime songs e ficamos inseguros se teríamos condições de fazer. Mas como disseram: "façam do jeito como sempre fazem", aceitamos a oferta.

Pergunta 2: Não houve resistência em interpretar uma música tema de desenho animado?

R: Havia insegurança. Nos sentíamos meio inibidos se podíamos realmente nos meter no mesmo meio de artistas consagrados como o "Aniki" (Ichiro Mizuki) ou o Masato Shimon. Mas assim que comecei a botar a mão na massa para compor, fiquei tão empolgado que não pensei mais nisso (risos).

Pergunta 3: Como foi que esta música tão emblemática, a "Pegasus Fantasy", nasceu?

R: Captar o espírito é muito importante para uma música tema, portanto a letra foi escrita por uma profissional (Machiko Ryu) e a música para acompanhá-la eu compus em conjunto com o falecido Hiroaki Matsuzawa. Quando nossa banda fazia as músicas, em 99% das vezes criamos a melodia primeiro. Quando tentamos compor em função de uma letra, a tendência é virar um som pop, portanto como banda de rock evitávamos cair nisso. Mas, no caso desta música, a combinação se saiu bem melhor que a conta.

Pergunta 4: Quando foi ao ar, o grito do começo, "Saint Seiya", foi muito marcante.

R: Quando recebi a proposta, pensei que o grito ficaria a cargo de Toru Furuya, que fez a voz do Seiya, por isso foi inesperado quando me encarregaram. Nunca tinha feito nada parecido e fiquei sem graça. Na hora da gravação, pedi aos outros membros da banda para sairem do estúdio (risos). Na ocasião, apenas gritei do jeito que me pediam, mas só entendi a importância daquele grito mais tarde. Agora é um tesouro para mim, valeu a pena ter gritado (risos).

Pergunta 5: Conte-nos também das músicas contidas no primeiro Image Album: Seleção de sucessos de Saint Seiya.

R: Aquele trabalho foi feito justamente na transição do sistema analógico para os CDs. Foi o primeiro CD gravado pelo MAKE-UP que até então só gravava LPs. E também foi o único álbum em toda a minha carreira que lancei nos dois formatos: LP e CD. Além da música-tema, nos deram carta branca para criar livremente desde a canção até a letra. Naturalmente, precisavam ser baseadas no universo de "Os Cavaleiros do Zodíaco", mas como eu lia o mangá na revista Shonen Jump, desde sua estreia, eu tinha uma clara ideia do universo.

Pergunta 6: Todas as músicas do álbum retratavam bem o clima da fase inicial da história, desde o treinamento até a Guerra Galáctica.

R: Na verdade, a MAKE-UP se dizia banda de heavy metal, mas também tocávamos "melodias tristes" em tom menor. Fazíamos rock com canções que combinariam muito bem em estilo de música pop japonesa e acho que esse nosso estilo combinou bem para o projeto.

Pergunta 7: Realmente, "Remember" era uma canção para fazer chorar. Qual a música mais marcante no álbum?

R: "Remember" é uma canção marcante para mim. Não foi só com "Remember", mas assim que eu terminava de escrever uma música que tinha vontade de cantar, juntava o máximo de equipamentos para gravar uma fita demo. Trabalhei bastante mesmo. Também acho inesquecível o "Kibo no Tsubasa - FRIENDS IN THE SKY" que foi a primeira música que fiz em dueto com outra cantora. Até hoje, a Mitsuko Horie, com quem trabalhei na ocasião me tira um sarro dizendo: "O NoB daquela época me dava medo". Deve ter sido essa a impressão que nós passávamos porque éramos uma banda de rock séria. Mas a MAKE-UP se desfez em 1987 e o "Os Cavaleiros do Zodíaco" meio que sumiu depois que fizemos a gravação (riso amargo). De fato, a banda só esteve na ativa 4 anos desde a formação.

Pergunta 8: E em 1996, a banda se juntou novamente e lançaram o "Saint Seiya 1996 SONG COLLECTION".

R: Originalmente era para ser um álbum comemorativo do 10º aniversário da banda, mas imaginamos que nossos fãs curtiriam muito mais se fosse um álbum de "Os Cavaleiros do Zodíaco". A banda voltou a se juntar algumas outras vezes, mas essa foi a última vez em que os integrantes originais se reuniram para gravar um álbum.

Pergunta 9: E no longa metragem de 2004: "Os Cavaleiros do Zodíaco - Prólogo do Céu", cantou "Never - Tema de Saint Seiya".

R: Era uma época em que eu já era um músico veterano e havia acumulado outras habilidades além da música. Mas como era um longa-metragem, eu me esforcei para criar uma música com a intenção de superar a "Pegasus Fantasy".

Pergunta 10: Qual a impressão que teve de "Os Cavaleiros do Zodíaco"?

R: É um desenho repleto de rapazes bem-apessoados, mas gosto dos cinco protagonistas. É incrível que eles sejam tão poderosos apesar de só terem a idade de um aluno do ensino fundamental (risos). Para mim, a urna da armadura foi a coisa mais marcante dentro do universo de "Os Cavaleiros do Zodíaco". Como estive envolvido no título desde seu primeiro álbum, aquela primeira imagem do garoto andando carregando aquela urna me marcou muito.

Pergunta 11: Qual foi sua impressão quando cantou a música tema em 2012, com MAKE-UP feat. Shoko Nakagawa?

R: Todos os envolvidos tinham sentimentos pessoais a respeito da música "Pegasus Fantasy" e foi difícil bater o martelo de como refazer a canção até o último instante. Foi a ocasião em que percebi como tinha gente que sentia tanto respeito pela "Pegasus Fantasy". Além disso, foi muito divertido cantar junto com a "Shokotan" (apelido de Shoko Nakagawa) no lançamento mundial (risos). Além de talentosa, ela é muito esforçada e me acompanhou muito bem.


Entrevista para o CavZodiaco.com.br

O cantor japonês oficial das músicas de abertura e encerramento da série clássica, Pegasus Fantasy e Blue Forever, e da música tema do filme Prólogo do Céu, a Never, conversou com a equipe CavZodiaco.com.br durante sua passagem pelo Brasil para shows comemorativos pelos 30 anos de Saint Seiya em 2016. Fizemos uma entrevista curta, mas bem bacana. Confira:

A entrevista foi realizada no dia 16 de Julho de 2016

Pergunta 1: Como surgiu o sucesso Pegasus Fantasy? Como foi o processo de criação da música?

R: A música teve sua letra inicialmente composta pelo mestre Ryu Machiko, o que me inspirou a terminá-la muito rápido, em pouco mais de 10 minutos.

Pergunta 2: Você conhece o mestre Kurumada?

R: Infelizmente não o conheço.

Pergunta 3: Como foi o processo de escolha de seu nome para cantar Never?

R: Quando o filme foi feito, a produção me convidou para gravar. Parece que a Toei queria minha participação no projeto.

Pergunta 4: Qual sua música favorita do universo de Saint Seiya?

R: Minha música favorita, como não poderia deixar de ser, é Pegasus Fantasy, pois mudou minha vida. Outra música que gosto muito é Chikyuugi, pois a Senhorita Yumi é uma ótima cantora.

Pergunta 5: Você já veio muitas vezes ao Brasil. O que mais gosta daqui?

R: Adoro churrasco e sempre dos aplausos dos fãs brasileiros!


voltar para o topo da página

última atualização realizada em: 14/12/2018