Netflix: Shun virou trending topic por 7 horas seguidas e escritor Eugene Son explicou a mudança de Shun para Shaun!

📅domingo, 09 de Dezembro de 2018, as 07h20min
Escutar a notícia
TTS (Text to Speech): agora fãs com deficiência visual poderão acompanhar as notícias dos Cavaleiros do Zodíaco de uma forma mais acessível. Basta clicar no botão "play" para escutar! Aos poucos iremos aprimorando a pronúncia de alguns termos, padronizando com o que é utilizado no Brasil.
Após a exibição do primeiro trailer do remake em 3DCG dos Cavaleiros do Zodíaco pela Netflix ontem a noite, temos acompanhado as reações dos fãs. A repercussão está gigantesca e percebe-se que a maioria não gostou, principalmente de um detalhe: o fato do Shun agora ser uma garota. Aliás, o nome Shun virou trending topic do Twitter por 7 horas seguidas. Fato inédito em se tratando de Saint Seiya, porém infelizmente por algo negativo na opinião dos fãs!

O escritor Eugene Son foi bombardeado no Twitter pelos fãs. Ele então explicou que desde o início a ideia era mudar muito pouca coisa, mas havia a necessidade de atualizar a série. Os conceitos fundamentais que tornam Saint Seiya amado são muito fortes e se mantém bem mesmo após 30 anos. A série sempre teve personagens femininas fortes e dinâmicas, mas era necessário ter uma protagonista mulher. Antigamente um grupo de homens lutando para salvar o mundo sem uma garota por perto era algo comum, o padrão da época. Se ele mantivesse isso nos dias de hoje, certo ou errado, o público poderia interpretar de maneira equivocada (ele cita até as garotas lutando no MMA). O mundo mudou, garotos e garotas trabalhando juntos é o padrão agora. Eles se viram diante de uma situação de: o que fazer? Não queriam transforma Marin ou Shina em Amazonas de Bronze, nem transformar Saori (que na verdade passará a se chamar Sienna), muito menos dar poderes para Shunrei e Miho (Minu no Brasil). Cogitou-se a possibilidade de criar uma nova personagem e adicionar ao grupo de Bronze. Mas ele vetou isso porque não seria algo natural, ela não teria personalidade, seria apenas uma menina ali no contexto. Eles discutiram bastante e sabem que o personagem Shun de Andrômeda é demais e muito querido, mas chegaram a conclusão que seria interessante ter Andrômeda como mulher em uma nova interpretação. Ela agora, inclusive, se chamará Shaun. Quanto mais eles iam desenvolvendo, mais potencial eles viam na personagem. Os conceitos originais não mudaram: ela usa suas correntes para se defender, tanto para si mesma quanto para seus amigos, e aprendeu a lutar com seu irmão protetor. Os fãs mais antigos de Saint Seiya sabem o que acontece com Andrômeda com o progresso da série, então ele achou interessante apostar nisso, mesmo sabendo que era algo controverso. Até mesmo dentro da Toei Animation foi um tema controverso. As pessoas perguntavam: você tem certeza disso?

Eugene Son diz entender que muitos fãs irão odiá-lo e pode até parecer um "tapa na cara". Então se você é um fã e disser que esta série não é para você, ok, ele vai entender e aprecia sua paixão por Saint Seiya. Quando ele era criança, ele estranhou uma mudança parecida na série Battlestar Galactica, que ele gostava, mas encarou, assistiu e gostou da nova interpretação. Ele acredita que este novo Saint Seiya será bem divertido e espera que os fãs assistam em 2019 na Netflix. Eugene termina dizendo que não está autorizado a responder as outras perguntas dos fãs, mas elas serão respondidas conforme o anime for sendo exibido.
📷
Quantidade de imagens referentes a esta matéria: 1 imagem
📷
Estatísticas de Acesso:

Total de Acessos na Notícia:

Quem além de você está acessando esta notícia agora?

Fã-Clube: Anônimo:

Comentários dos Fãs:

o que foi publicado no dia 09 de Dezembro dos anos anteriores?